ankara escort ankara escort bayan bodrum escort

Portal Home Care
O que significa o termo Home Care

O que significa o termo Home Care

O termo Home Care é de origem inglesa. A palavra "Home" significa "lar", e a palavra "Care" traduz-se por "cuidados". Portanto, a expressão Home Care designa literalmente: cuidados no lar.

No Brasil, o termo Home Care foi adotado e muitas vezes, erroneamente utilizado como sinônimo de inúmeros serviços oferecidos por uma empresa de Home Care,tais como: internamento domiciliar de saúde, atendimento domiciliar de saúde, assistência domiciliar de saúde, "case" e outros usos que podem causar confusão entre os usuários desta modalidade, por não terem certeza de qual terminologia que realmente descreve os serviços que estão usufruindo ou contratando. Home Care é uma denominação para a empresa que oferece todos os serviços acima citados e muitos outros.

Outro erro comum e que nos leva a ouvir críticas que o Home Care não funciona por ser sinônimo de assistencialismo, ou que um determinado paciente não está qualificado para os serviços de Home Care, quando na verdade, o que se quer realmente dizer, é que a fonte pagadora não dá cobertura para um serviço ou produto específico oferecido pela empresa de Home Care, por não ter este tipo de benefício previsto em contrato com o usuário.

Neste Portal, o usuário encontrará um glossário de termos melhores adaptados à prática desta modalidade no Brasil e verá que a utilização desse novo vocabulário, por ser mais apropriado, poderá se firmar e ser a terminologia de escolha das fontes pagadoras, cuidadores formais e informais.

Edvaldo de Oliveira Leme, R.N.C.

 
O que é o Home Care?

O que é o home care

O Home Care deve ser compreendido como uma modalidade contínua de serviços na área de saúde, cujas atividades são dedicadas aos pacientes/clientes e a seus familiares em um ambiente extra-hospitalar.

O propósito do Home Care é promover, manter e/ou restaurar a saúde, maximizando o nível de independência do cliente/paciente, enquanto minimiza os efeitos debilitantes das várias patologias e condições que gerência.

Este tipo de serviço é direcionado não somente aos pacientes, como também, de forma diferenciada, aos seus familiares em qualquer fase de suas vidas; seja para aqueles que aguardam seu restabelecimento e retorno às suas atividades normais, ou para os que necessitam de gerenciamento constante de suas atividades como também, para pacientes que necessitam de acompanhamento em sua fase terminal.

No gerenciamento desses serviços devem ser usados critérios técnico-científicos e as decisões devem ser baseadas no melhor nível de evidência clínica possível, para cada procedimento. Essa prática é necessária em função da complexidade do meio ambiente do paciente, dos tipos de cuidados médicos exigidos, dos recursos, das condições psico-físicas do cliente/paciente e das patologias à serem gerenciadas.

Edvaldo de Oliveira Leme, R.N.C.

 
O que não é Home Care!

O que Não é Home Care:

1.       Um profissional de saúde autônomo que atende por conta própria em domicílio, não é uma empresa de home care. Portanto, se você é um Auxiliar de Enfermagem, Técnico de Enfermagem, Enfermeiro, Médico, Dentista, Psicólogo, Fisioterapeuta, Fonoaudiólogo, ou qualquer outro profissional na área de saúde e atende seu paciente em casa, sem ter vinculo contratual com uma legítima empresa de home care, você não pratica a modalidade de home care; você atende em casa.

2.       Uma empresa que oferece apenas os serviços de enfermagem ou qualquer outra profissão na área de saúde a domicílio, não é uma empresa de home care, pois, para ser uma empresa de home care, uma empresa deve adimplir às resoluções aplicáveis, e inevitavelmente, terá que ter a estrutura exigida, e uma equipe multidisciplinar que pratique de acordo com os protocolos operacionais de uma empresa de home care de forma a atender seus pacientes/clientes. Portanto, se você é proprietária de uma empresa a qual não possui estas características de acordo com as RDCs aplicáveis; você não possui uma empresa de home care.

3.       Uma cooperativa de enfermagem, medicina, fisioterapia ou qualquer outra profissão, não é uma empresa de home care, a não ser que siga a ANVISA RDC 11 de 26 de janeiro de 2006, concomitantemente com as RDCs do COREN, CREFITO, CFF, CRM. Portanto, se você faz parte de uma Cooperativa Profissional ou de serviço, você não é uma empresa de home care, embora, possa, dentro de seus protocolos, enviarem profissionais, equipamentos e serviços ao domicílio.

4.        Um setor específico dentro de um plano de saúde, que terceiriza os serviços de atendimento domiciliário à saúde não pratica o home care. Portanto, se você representa um plano de saúde que, de seu escritório, contrata autônomos para prestar serviços, que aluga equipamentos e envia ao paciente, que compra medicamentos, dieta, e materiais médicos e os envia aos pacientes, seu setor não pratica o home care, e não pode ser considerado home care, a não ser que estja dentro de todas as normas que regem o home care no Brasil; ANVISA RDC 11 de 26 de janeiro de 2006, concomitantemente com as RDCs do COREN, CREFITO, CFF, CRM!

5.       Uma empresa de remoção. Se sua empresa tem alvará e licença sanitária para efetuar remoções e atendimentos emergenciais de pacientes em seus domicílios,  não é uma empresa de home care. Embora, uma empresa de home care possa incorporar os serviços de remoção próprios. Portanto, instalar um tratamento em domicílio, sem os protocolos específicos utilizados em home care, não constitui uma empresa do setor.

6.       Um consultório veterinário que atende em casa não é home care.

7.       Um atendente de enfermagem que atende em casa não é home care.

8.       Um cuidador de idosos não pratica home care.

9.       Uma empresa que vende ou aluga equipamentos médicos para o setor de home care, não é uma empresa no setor de home care, pois, não possui uma equipe multidisciplinar de atendimento em saúde no domicílio.

10.   Uma empresa de RH que fornece mão de obra na área de saúde, não é uma empresa de home care.

11.   PSF não é home care, embora atenda em domicílio, e utiliza-se de muitos protocolos que se assemelham ao home care.

Concluindo, para uma empresa qualificar para ser denominada como uma empresa de home care, ela deverá seguir a risca todas as determinações das resoluções específicas já existentes. Não se pode estruturar uma empresa de home care que trabalhe somente com enfermagem, ou somente com fisioterapia, etc.! Embora, as empresas prestadoras de serviços uni – disciplinares ( somente enfermagem, fisioterapia, etc.) não deixem de ser empresas importantes no ramo da saúde, e uma tendência em desenvolvimento. A distinção deve ser feita, pois, existem diferenças fundamentais no protocolo e filosofia de atendimento.

Edvaldo de Oliveira Leme, R.N.C.

Autor e Mantenedor do Portal Home Care

 

facebook-portal

Acesse nossa Page para dicas e informações sobre Home Care!

Publicidade

uskudar evden eve nakliyat kagithane evden eve nakliyat pendik evden eve nakliyat bahcesehirevden eve nakliyat maslak evden eve nakliyat tuzla evden eve nakliyat sisli evden eve nakliyat bakirkoy evden eve nakliyat istanbul evden eve nakliyat sariyer evden eve nakliyat beylikduzu evden eve nakliyat